Monthly Archives: Fevereiro 2018

Leituras na biblioteca – A Perfeição de Eça de Queiroz

A turma do curso de educação e formação teve, na passada quinta-feira, uma aula de português na mediateca. A professora Helena Ribeiro promoveu a leitura do conto de Eça de Queiroz “A Perfeição” utilizando para o efeito os e-reader da biblioteca. O interesse foi muito e os alunos ficaram de repetir a experiência de ler este conto num suporte digital.

Sinopse

Ulisses tinha partido há 10 anos para a guerra de Tróia, da qual saíra vencedor. Ao regressar à terra natal, o destino arrasta-o para uma ilha deserta, onde fica sete anos em perfeita harmonia com a natureza, entre beleza e tranquilidade infindáveis e inefáveis. Nela reinava uma das cinquenta nereidas, Calipso, e algumas ninfas. Mas, descontente, Ulisses passa horas a divagar, sentado numa rocha, sentindo-se um guerreiro esquecido e abandonado.
Dados do eBook
  • Atlântico Press, Dezembro 2012
  • ISBN: 9789898373250
  • Língua: Português
  • Opções de transferência: EPUB 2 (Adobe DRM)
Anúncios

CESÁRIO VERDE (1855-1886)

Foi um dos grandes poetas portugueses. A sua obra não é muito vasta, porque morreu de tuberculose com apenas trinta e um anos. Foi jornalista e começa a publicar os seus poemas nos jornais, sobretudo no Diário de Notícias. Apesar desta divulgação, a importância da sua obra não foi reconhecida durante a sua vida. Foi, aliás, mordazmente criticada por Ramalho Ortigão e Teófilo Braga, seus contemporâneos. Só em 1887, um ano depois da sua morte, e quando Silva Pinto faz publicar em livro alguns dos poemas, “O livro de Cesário Verde”, é que começa o seu apreço público. Escreveu mais poesia, mas os outros poemas acabaram por não ser publicados por terem desaparecido num incêndio em sua casa, em 1919.

Hoje, a sua obra é muito apreciada. “Só” é, talvez, o seu livro mais conhecido, o “livro mais triste publicado em Portugal”, segundo o autor. Mas é indubitável a sua influência na poesia moderna portuguesa. Um modernista antes do tempo: o retrato da vida quotidiana, das coisas humildes e simples do dia a dia; o binómio campo/cidade, que serve de suporte aos sentimentos e ideias do poeta, aproximam-no do Realismo e do Naturalismo. A sua obra tem sido objecto de estudo, com opiniões muito variadas.(saber mais).

Efemérides

Ficha informativa

Base de Dados de Autores Portugueses

(adaptação nossa: professora Adelaide Saraiva)

©PAABECRE Efemérides Cesário Verde 2017/2018
Imagem

Prémio Escolar Ano Europeu do Património Cultural 2018 – AEPC 2018

 

Consulte aqui o Regulamento