outubro – Mês Internacional da Biblioteca Escolar

Lema: “Ligando comunidades e culturas”

As bibliotecas escolares desempenham um papel muito importante nas escolas e são um veículo de transmissão de conhecimento, não apenas através dos livros mas também das atividades que aqui se desenvolvem.

A Biblioteca Escolar Centro de Recursos Educativos (BECRE) vai levar acabo algumas iniciativas no âmbito do mês internacional das bibliotecas escolares para as quais convida todos os professores e alunos a participarem. Nesse sentido sublinham-se:

Formação de utilizadores:

Duração: 1 tempo letivo

Destinatários: Alunos do CEF,  1º ano dos cursos profissionais e 10º ano, acompanhados pelos respetivos diretores de turma.

Objetivo

Sensibilizar os novos alunos para a utilização da biblioteca escolar, serviços e procedimentos associados. Os diretores de turma podem solicitar a marcação da referida formação junto do professor bibliotecário António Padeira ou através do email: biblioteca.essje@gmail.com

Workshop: Biblioteca Digital – Leitores de ebook (eReader):

Duração: 1 tempo letivo

Destinatários: Alunos e professores

Objetivo

Apresentação dos leitores de ebook  (eReader)da KOBO adquiridos recentemente pela BECRE tendo em vista o seu empréstimo para atividades de leitura em sala de aula. Os professores podem inscrever as suas turmas junto do professor bibliotecário António Padeira ou através do email: biblioteca.essje@gmail.com

Projeto de Leitura:

Duração: Ao longo do Ano letivo

Destinatários: Alunos e professores

Objetivo

Promover o gosto pela leitura nomeadamente no âmbito de Projetos de Leitura previsto no programa da disciplina de Português. A sua concretização poderá passar pela disponibilização das obras existentes no catálogo  e pela organização de momentos de leitura no espaço da biblioteca escolar. Os professores interessados poderão agendar com o professor bibliotecário António Padeira os momentos considerados mais oportunos para as respetivas turmas.

 

António Padeira/setembro/2017

Anúncios

Aplicações para dispositivos móveis

 

 

 

Fonte: Aplicações para dispositivos móveis

Prémio Nobel da Literatura 2017

Nobel da Literatura para Kazuo Ishiguro

Kazuo Ishiguro venceu o Prémio Nobel da Literatura de 2017. O nome escolhido pela academia sueca foi anunciado esta quinta feira, em Estocolmo. Foi assim revelado o sucessor de Bob Dylan, que foi distinguido com o mesmo prémio no ano passado.

Nascido a 8 de novembro de 1954, em Nagasaki, no Japão, Kazuo Ishiguro mudou-se para o Reino Unido em 1960, quando o seu pai foi aceite como investigador no National Institute of Oceanography.

Educado numa escola de rapazes em Surrey, o laureado que em tempos trabalhou para a Rainha Mãe como grouse-beater — basicamente, afugentava galinhas bravas em direção de caçadores — acabou por entrar na Universidade de Kent, na Cantuária, onde se especializou em língua inglesa e filosofia. O seu primeiro emprego, depois de ter concluído os estudos superiores, foi o de assistente social nos bairros mais pobres de Londres.

https://twitter.com/NobelPrize/status/915894552380215296

[em atualização]

Diogo Lopes h 29 min

Ligação

Atlas das Paisagens Literárias de Portugal Continental

O IELT desenvolve o projeto LITESCAPE.PT – Atlas das Paisagens Literárias de Portugal Continental, em parceria com o IHC – Instituto de História Contemporânea (FCSH), a Fabula Urbis e a Fundação Eça de Queiroz. Este projeto está integrado na sua linha de ação Falas da Terra.

LITESCAPE.PT é um projeto de investigação interdisciplinar, com uma forte componente de divulgação e apoio à decisão. Pretende (1) ligar a literatura ao território, potenciando a recíproca valorização das obras literárias e das paisagens nelas representadas; (2) contribuir para o conhecimento do património natural e cultural, elementos-chave das identidades locais e regionais; (3) concorrer para a literacia ambiental, sobretudo no âmbito dos padrões e processos ecológicos associados às paisagens atuais; (4) ajudar a implementar a Convenção Europeia da Paisagem, nomeadamente na definição dos objetivos de qualidade paisagística a preservar e a valorizar.

LITESCAPE.PT é um projeto coletivo e cooperativo que resulta do trabalho de leitura de obras literárias de escritores dos séculos XIX e XX. Excertos selecionados são referenciados a uma unidade territorial. A unidade mínima de referenciação geográfica é o NUTIII – nível III da Nomenclatura de Unidades Territoriais, registando-se o concelho, freguesia ou local, quando possível.

Podem ser produzidos mapas a partir de obras, escritores, ou diretamente associados às paisagens literárias descritas nos excertos.

LITESCAPE.PT desenvolve-se em torno de três componentes:
Compilação: leitura de obras literárias, seleção de excertos, classificação de acordo com um conjunto de descritores geográficos e de paisagem, e registo numa base de dados partilhada por todos os membros da equipa de projeto;
Investigação: análise e crítica literária no contexto da valorização dos elementos naturais e culturais que compõem as paisagens, suportada pela compilação; integração do material literário com o de fontes documentais, cartográficas, artísticas, etc.
Divulgação: elaboração de artigos científicos, livros e textos de divulgação dos resultados produzidos; organização e participação em sessões públicas, colóquios, seminários e conferências; prevê-se a disponibilização do trabalho de compilação, através de um website interativo, baseado no mapa do território.

Ficheiros

 

Vídeo

Concurso “Conta-nos uma História!”

 

 

No dia em que se comemora o Dia da Criança, a Direção-Geral da Educação (DGE) tem o grato prazer de divulgar a lista das histórias vencedoras realizadas no âmbito do concurso “Conta-nos uma história!” – 8.ª edição e produzidas por alunos da Educação Pré-Escolar e do 1.º ciclo do Ensino Básico.

As 421 histórias submetidas, nas modalidades áudio e vídeo, foram avaliadas por um júri constituído por elementos da Direção-Geral da Educação (DGE), do Gabinete da Rede de Bibliotecas Escolares (RBE), do Plano Nacional de Leitura (PNL), Associação Portuguesa de Professores de Inglês (APPI)  e da Microsoft, e presidido pela Professora Doutora Ana Amélia Carvalho, da Universidade de Coimbra.

A DGE felicita todos os alunos, docentes e membros da comunidade que se envolveram nesta iniciativa.

Consulte a lista das histórias premiadas em http://erte.dge.mec.pt/resultados-do-concurso-8a-edicao

Umas das escolas premiadas na categoria de 1.º e 2.º ano, foi a Escola Básica António Torrado, Tires com o trabalho “Manuel de pernas para o ar”. Parabéns à Cláudia e aos seus alunos.

  • 3.º Lugar: “Manuel de pernas para o ar” – Escola Básica António Torrado, Tires | Equipa Imaginária | Isabel Reis e Cláudia Almendra

Vídeo


A solidariedade social é um valor importantíssimo a cultivar entre os mais jovens e a Escola Secundária S. João do Estoril é um bom exemplo disso com o seu projeto “Mãos Solidárias”.

A tua Mais Educativa TV veio mostrar de que forma é que estes alunos ajudam o próximo!

Repórter: Cláudia Silva
Som e imagem: Abel Oliveira
Edição: Diogo Marquês

Imagem