O Amor na Literatura Portuguesa

Amor na LP3O dia 14 de fevereiro assinala  S. Valentim. É uma data comemorativa, não oficial, destinada aos casais de namorados, pretendentes e apaixonados. É tradição a troca de presentes, bombons e cartões com mensagens de amor entre namorados ou pessoas que se amam. Sendo o amor  um mote tão querido da literatura portuguesa, a BECRE associa-se à celebração através de uma pequena exposição ilustrativa de alguns autores que na sua época traduziram  em poemas, crónicas, romances. este tema. Salientam-se as cantigas de amigo marcado pelo sofrimento por amor, o lirismo em Luís de Camões  ligado à ideia do Amor como um ideal superior e perfeito e apenas baseado na contemplação, que todos os Homens tentam alcançar mas, sendo imperfeitos, não conseguem. Eça de Queirós, pelo contrário, adopta a corrente realista, onde retrata o Homem e a sociedade tal qual eles são.  Fernando Pessoa subdivide-se em vários heterónimos, porém a sua visão do amor nunca difere violentamente das dos autores antes referidos. Entre os seus heterónimos e ortónimo, existem duas visões principais: a do amor quase que apenas contemplativo (principalmente em Ricardo Reis) e o amor às coisas, à Natureza e, por vezes, à sociedade. Ocorre também a recusa do amor, com o refúgio na intelectualização das emoções, nomeadamente, em Fernando Pessoa, ortónimo. Apesar da sua complexidade é importante ler e promover a leitura dos nossos escritores que nos deixam um precioso legado sobre os sentimentos, os usos e costumes das gentes que habitam este nosso Portugal. Viva o Amor, Viva a leitura. 

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s